quarta-feira, 30 de março de 2016

Corrida-Transporte

Já escrevi bastante aqui sobre corrida-transporte.

Acho que é uma ótima forma de exercitar-se de forma econômica e ecológica.

Mas nem todo mundo pode praticar a corrida-transporte. Alguns por morarem muito longe do trabalho, outros por não terem um local para se trocar perto do trabalho, etc.

Algumas ideias:

  • Se você mora muito longe do trabalho, como eu, faça apenas um trecho do percurso usando corrida-transporte. Por exemplo, vá correndo até certo lugar e de lá pegue um ônibus.
  • Se você não tem um local para se trocar perto do trabalho, veja se não tem uma academia de musculação onde você possa se trocar. Onde trabalho, a mensalidade da academia é mais barata do que a mensalidade de um estacionamento.
  • Se você tem um horário muito rígido (e cedo) para chegar no trabalho, talvez seja melhor fazer corrida-transporte na volta apenas.
Mais algumas dicas:
  • Corrida-transporte quase sempre é feita com mochila. Aceite que isto vai diminuir o seu ritmo. Não faz sentido correr na mesma velocidade que você correria se estivesse sem mochila. E caminhe sempre que quiser. É infantil nunca querer caminhar. Caminhar e correr são atividades irmãs. Quando uma subida for muito íngreme ou estiver cansado, caminhe. Depois volte a correr.
  • No começo use a mochila que tiver. Mas depois, se você gostar da corrida-transporte, invista numa boa mochila com quatro faixas: duas em volta dos ombros (que toda mochila tem), uma na altura do peito e uma na altura da barriga.   Também é bom se a mochila tiver espaço para a circulação do ar nas costas.
  • Use calçados minimalistas. Não interfira demais com o que já deu certo: o pé humano.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! Não uso verificação de palavras.

Receba as postagens deste blog por email