sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Treino com Meb Keflezighi


Meb e eu

Nesta segunda-feira (29/01/2015), participei de um treino com Meb Keflezighi, talvez o principal corredor americano (nascido na Eritréia) de longa distância na atualidade, vencedor da Maratona de Boston 2014 e, anteriormente, da Maratona de Nova Iorque. Ele foi também medalhista de prata na Maratona Olímpica de Atenas 2004. Foi o segundo a ultrapassar o nosso Vanderlei Cordeiro de Lima depois que este foi empurrado por um maluco.

O treino aconteceu nas ruas do centro de Raleigh. O ponto de encontro foi em frente à loja Runologie, às 18h. Por volta de 18h15 Meb chegou e "discursou" para os aproximadaente 200 corredores presentes numa noite fria (uns 5 graus). Depois, respondeu 3 perguntas do público. Uma pergunta foi de uma menininha que perguntou como ele começou a correr (foi na escola aos 12 anos - fez um teste de atletismo e viu que era bem rápido). Um senhor perguntou o que os corredores de elite conversavam durante a maratona. Não lembro a resposta, mas lembro que ele disse que era amigo de alguns atletas de elite e que eles se parabenizavam após as provas.

Depois da perguntas, o treino começou. Os corredores mais rápidos (ritmo de aproximadamente 7 minutos por milha) saíram com um outro corredor de elite (não lembro o nome). Os mais lentos saíram com o Meb. Eu estava neste grupo mas era tanta gente que só vi o Meb nos primeiros segundos. O percurso tinha vários sinais de trânsito e paramos várias vezes.

Depois de voltarmos à frente da loja, formou-se uma fila, no frio, do lado de fora da loja, para tirarmos foto e pegarmos um autógrafo. Como eu tinha esquecido meu celular no carro, fui para o fim da fila depois de pegar o celular (nesse momento encontrei o Tyler Pake, que tinha avisado sobre o evento no Facebook). Foi servida pizza e cerveja de graça (não para quem estava na fila, mas se você deixasse alguém cuidando do seu lugar conseguiria andar um pouco e pegar a pizza e/ou a cerveja -- eu não quis).

Ficar na fila foi bom para treinar meu inglês. Fiquei conversando com um bombeiro chamado Neil. Estava lá com a esposa. Ele me contou que na região existe uma loja de produtos para corredores e triatletas chamada InsideOut. O proprietário é um brasileiro.  Contei a ele que um brasileiro tinha sido o medalhista de bronze em Atenas 2004 e o que tinha acontecido. Ele lembrou do caso.

O contato com o Meb foi bem rápido. A gente entregava a câmera para alguém (acho que do grupo Competitor, que estava promovendo o evento) e tirava uma foto com o Meb. Como a fila era grande, foi necessário ser rápido. Eu ainda comprei um livro do Meb que um auxiliar pediu para ele autografar na hora (sem incluir meu nome no autógrafo). E ganhávamos também uma foto autografada do Meb (também não identificada).


Enfim, foi bom ver que Meb é uma estrela, ao menos entre os corredores americanos.


Meb treinou de verdade em Raleigh:

Links:



2 comentários:

  1. Adolfo, legal o seu relato. Apenas fiquei com uma dúvida, no terceiro parágrafo voce escreveu '7 milhas por minuto' não seriam '7 minutos por milha' ?

    Abs,
    Renato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, Renato! 7 minutos por milha! Obrigado. Corrigido.

      Abraços,
      Adolfo

      Excluir

Deixe seu comentário! Não uso verificação de palavras.

Receba as postagens deste blog por email