sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Mediana de Tempo de Conclusão das Principais Maratonas Brasileiras

Alguns dias atrás o Danilo Balu escreveu dois bons textos (1 e 2) relacionados à velocidade dos corredores em provas. Um dos argumentos presente nos textos (que não é apenas dele e é um fato) é de que com o passar dos anos os corredores estão ficando, em média, mais lentos e menos competitivos.

Para mim, é difícil ter acesso à média de tempo de conclusão de provas. Mas é relativamente simples conseguir acesso à mediana. Basta contar o número de concluintes (considerei apenas os homens devido às características dos sites), dividir por 2, e encontrar o tempo dos 1 ou 2 corredores que estão na mediana. Só tem um problema: algumas organizadoras ordenam por tempo bruto, outras por tempo líquido. Segundo alguns autores, para alguns dados, a mediana é mais significativa do que a média.

Os dados que coletei (que não cobrem todas as Maratonas brasileiras e incluiu uma argentina) estão abaixo. Não dá pra concluir quase nada, mas mostram uma "tendência" (OK, tendência não significa nada): quanto menos corredores numa maratona, mais rápido o tempo do corredor que está na mediana. Será que há mesmo uma correlação? Alguém precisa testar...

(Um parenteses: Explicando melhor a ideia de mediana. Por exemplo: se uma corrida tem 1001 concluintes, o corredor que chega na posição 501 é o que está na mediana, pois ele chegou na frente de 500 e atrás de 500. Isto é, bem no meio. O tempo deste corredor é o tempo que considerei. Se a quantidade de concluintes for par, considerei a média dos tempos dos dois corredores que ficaram "no meio". Qualquer dúvida adicional, perguntem ao Luizz, que estatístico.)

Olhando só a mediana, a Maratona de Foz é a mais rápida das analisadas! E a menor.  Buenos Aires perdeu de Foz por pouco (menos de 4 min), mesmo tendo 14,89x a quantidade de concluintes de Foz.

Maratonas ordenadas por Mediana de Tempo Líquido:

Maratona Homens Concluintes Mediana de Tempo Líquido
Foz do Iguaçú 2013 346 3:53:42
Buenos Aires 2012 5154 3:57:33
Brasília 2012 258 3:57:42
Santa Catarina 2013 396 3:58:58
Curitiba 2012 1184 4:01:42
Recife (Maurício de Nassau) 2013 278 4:04:17
Rio 2013 3247 4:16:00
São Paulo 2013 2670 4:18:09


Maratonas ordenadas por Concluintes do Sexo Masculino:

Maratona Homens Concluintes Mediana de Tempo Líquido
Buenos Aires 2012 5154 3:57:33
Rio 2013 3247 4:16:00
São Paulo 2013 2670 4:18:09
Curitiba 2012 1184 4:01:42
Santa Catarina 2013 396 3:58:58
Foz do Iguaçú 2013 346 3:53:42
Recife (Maurício de Nassau) 2013 278 4:04:17
Brasília 2013 258 3:57:42




Links para os Resultados e Comentários Adicionais


Mediana de tempo dos homens na Marat. de Curitiba 2012: 04:01:42, pos 592-593 de 1184

Mediana de tempo líq. dos homens na Marat. de SP 2013: 04:18:09, pos 1335-6 de 2670  

Mediana de tempo líq. dos homens na Marat. de SC 2013: 03:58:58, pos 198-9 de 396  

Mediana de tempo líq. dos homens na Marat. do Rio 2013: 04:16:00, pos 1624 de 3247  
Apesar de ter mais corredores, a mediana da Maratona do Rio foi melhor (mais baixa) do que a da Maratona de SP.

Mediana de tempo dos homens na Marat. de Foz 2013: 03:53:42, pos 173-4 de 346  

Mediana de tempo dos homens na Marat. de Buenos Aires 2012: 03:57:33, pos 2157-8 de 5154  

Mediana de tempo dos homens na Marat. de Recife 2013: 04:04:17, pos 138-9 de 278 bit.ly/1fu7btB >> ô povo lento! :) 

Resultados da Maratona de Brasília 2013: http://www.smartsource.com.br/latin/resultado.php?id=114&cliente=18

PS: Está faltando a Maratona de Porto Alegre pois o site está com problemas: http://www.maratonaportoalegre.com.br/resultados.html

8 comentários:

  1. É, a maratona de Buenos Aires é que estraga a correlação né? Uma hipótese aqui no Brasil poderia ser a de que maratonas mais obscuras atraem os corredores mais experientes, enquanto nas mais populares, como a do Rio e de SP, há mais diversidade. Também há a questão da moda da corrida de rua ser mais forte nessas capitais, daí que tem mais gente que se arriscaria em maratona, mesmo não tão preparado. Mas e Buenos Aires?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São muitos os fatores. Difícil ter certeza de algo.

      Excluir
  2. Legal a info.
    Interessante, Ctba ter uma mediana menor que o Rio.
    O que seria?
    Achava Ctba mais dificil que o Rio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. André , mesmo em novembro, o clima em curitiba é bem mais ameno que no Rio, corri o rio neste ano já estava 29 graus as 07:30, cheguei no aterro com 32 graus, minha espectativa era fechar em 03:50, fechei em 04:16, no Rio em 2012, o tempo estava meio frio e garoa, muita gente que nunca fez um sub 4 horas, fechou em menos de 4 horas, em nosso pais, a temperatura faz muita diferença. Gostaria de ver a mediana de POA, acredito que se aproxime de Buenos Aires e foz do iguacu,

      Excluir
    2. Fiz a minha primeira maratona esse ano no Rio. Estava beem quente.
      Então, o fator subida é menos cruel do que o tempo.
      E por isso que em Berlim é aquele festival de sub 4 hrs. Risos..

      Excluir
    3. Se pensar bem, o Rio é praticamente plano (tem duas subidas ), la a temperatura e umidade contam muito, acho que uma pessoa bem treinada, com uma rotina de intervalados , limiar, etc , passam bem pelas subidas , veja o exemplo das poucas maratonas no nordeste, bem planas mas a temperatura muito acima do sul/sudeste, o tempo vai lá pra cima, se não me engano a da bahia, o primeiro colocado fechou em 2h20min

      Excluir
    4. São muitos os fatores: clima, percurso, aglomeração na saída.

      Excluir

Deixe seu comentário! Não uso verificação de palavras.

Receba as postagens deste blog por email