quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Novo Curso de Mestrado na UTFPR: Mestrado Acadêmico em Engenharia Elétrica (Campus Pato Branco)

Novo Curso de Mestrado
Aconteceu na tarde do dia 06 de novembro, o lançamento oficial do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica (PPGEE) que terá sua área de concentração em Sistemas e Processamento de Energia. O programa oferecerá um mestrado acadêmico voltado para profissionais formados em Engenharia Elétrica e áreas afins, formando recursos humanos capazes de promover o desenvolvimento científico e tecnológico voltado às necessidades das empresas e da sociedade.
Compuseram a mesa para o lançamento oficial do programa, a diretora do Campus, Tangriani Simioni Assmann, o gerente de ensino, Jean-Marc Stephan Lafay, o coordenador do programa, Jean Carlos Cardozo da Silva, o ex-diretor do Lactec, Aldair Rizzi, o representante da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Sebastião Bordin da Silva, e Nilso Aver, presidente do PMDB de Pato Branco.
Durante o lançamento, o gerente de ensino, Jean-Marc, explicou como se deu todo o processo que culminou com a oferta do Programa. "O Mestrado foi fruto de um planejamento que começou em 2003, quando o Secretário da Seti, Aldair Rizzi, apoiou a criação do Cenbapar, que, posteriormente, possibilitou novas ações da UTFPR, como a aprovação do curso de Mestrado em Agronomia e a criação dos cursos de engenharia. Em 2007, quando o Aldair tornou-se superintendente do Lactec foi possível, com o apoio da Seti, submeter um projeto para o Pólo de Inovação Tecnológica do Sudoeste, dando origem, na primeira fase, a criação de incubadoras de tecnologia integradas e, em uma segunda fase, a criação de infra-estrutura para laboratórios de tecnologias integradas em um prédio de propriedade do Lactec, que foi sedido, em regime de comodato, para a UTFPR com esse fim. Com isso surgiram as condições necessárias para que um grupo de pesquisadores da UTFPR submetesse uma proposta de mestrado a Capes, que foi aprovado".
O processo de inscrição e seleção acontecerá de novembro a fevereiro, com a primeira turma começando em março. O curso terá duração de dois anos e a turma será composta de 10 alunos. O corpo docente é formado por oito docentes permanentes do Campus Pato Branco e dois docentes colaboradores do Campus Curitiba, os quais desenvolvem pesquisa na área de Sistemas e Processamento de Energia.
De acordo com o coordenador do programa a implantação do mestrado está em consonância com os objetivos de verticalização do ensino proposto pela UTFPR. "Este será o primeiro mestrado na área que é ofertado em toda a região oeste/sudoeste do Paraná, oeste de Santa Catarina e norte do Rio Grande do Sul", explicou Jean Carlos.


Laboratórios que serão utilizados pelo curso de Mestrado:
- Laboratório de Radiofreqüência e Compatibilidade Eletromagnética;
- Laboratório de Instrumentação e Controle;
- Laboratório de Máquinas Elétricas e Energia;
- Laboratório de Energias Renováveis;
- Laboratório de Prototipagem de Circuitos Eletrônicos.

Mais informações pelo site:
http://pessoal.pb.cefetpr.br/ppgee

Matéria e fotos: Laiane Carniel
Responsável do Setor de Comunicação Social: Neiva Regina Pizato
Contato: 3220-2506 ou csocial-pb@utfpr.edu.br



Fonte: site do Campus Pato Branco da UTFPR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! Não uso verificação de palavras.

Receba as postagens deste blog por email