quinta-feira, 23 de abril de 2009

Pesquisa de aluna da UDESC aponta que a mulher brasileira possui em média 33 pares de sapatos

Fonte: http://www.udesc.br/make_page.php?id=366&noticia=442

A mulher brasileira possui em média 33 pares de sapatos e uma em cada 180 delas chega a ter 150 pares ou mais guardados em seu armário. Independente de sua renda pessoal, a mulher no Brasil está disposta a investir o valor médio de R$ 214,00 por mês somente na aquisição de sapatos. Essa paixão por calçados da mulher brasileira levou a administradora de Florianópolis, Vanessa Tobias, a avaliar o grau de popularidade e preferências das marcas e calçados femininos e levantar as razões que justificam as prioridades femininas na compra do produto. A pesquisa é o tema da sua dissertação de mestrado, que ela realiza na Esag, da Udesc. Vanessa pretende defender seu trabalho em julho deste ano.

Vanessa Tobias entrevistou 448 mulheres acima de 18 anos através de entrevistas pessoais ou pela Internet, de vários estados – especialmente de Santa Catarina, Minas Gerais, São Paulo e Paraná – de diferentes faixas etárias e classes sociais. Mulheres com idades entre 25 e 34 anos formam a maioria em sua investigação, vindo em seguida as que possuem idades que variam de 18 a 24 anos. Mais da metade das entrevistadas é solteira (56,2%), enquanto que as casadas representam 29,34%. O público feminino pesquisado é representado por funcionárias do setor privado, estudantes, autônomas e servidoras públicas. O nível de instrução também foi pesquisado. A maioria tem graduação e pós-graduação completas. De acordo ainda com a pesquisa, 17,34% recebem até dois salários mínimos, enquanto que as demais têm faixa de renda mensal entre R$ 831,00 e R$ 3.323,00.

    O levantamento apontou que o público feminino conhece 254 diferentes marcas de calçados e ao todo 72 marcas refletem a preferência delas. Quando indagadas sobre as marcas que mais compram, elas citaram 139 e uma em cada dez declararam não ter preferência. Com base na pesquisa, Vanessa Tobias diz que o sapato perfeito deve ser o resultado de um mix de design, conforto e durabilidade. " Um sapato só é perfeito, para fazer parte de suas coleções, se conferir todo o valor que a mulher busca – status, beleza, poder, conforto e autoconfiança", analisa a aluna de mestrado da Esag/Udesc, Vanessa Tobias. Ela lembra que existe hoje uma indústria calçadista bilionária concorrendo por uma demanda crescente de mulheres com cartões de crédito, diploma e independência. Por isso, ressalta, como estratégia para enfrentar a competição e seduzir o mercado que mais cresce atualmente, "existe o desenvolvimento por parte das empresas de marcas emocionais e fortes".  Mais informações pelo fone 9968 8935.

                                      Assessoria de Imprensa da Udesc


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! Não uso verificação de palavras.

Receba as postagens deste blog por email