segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Charada lógica: O primeiro julgamento

Na estória "A Dama ou o Tigre?" de Franck Stockton, um prisioneiro deve escolher entre dois quartos: um contém uma dama e o outro contém um tigre. Se ele escolher o primeiro, casa-se com a dama; se escolher o segundo, ele (provavelmente) será devorado pelo tigre.

O rei de uma certa região leu a estória e teve uma ideia:
- É a estratégia perfeita para experimentar com meus prisioneiros! Disse ele certa vez para um de seus ministros.

- Porém, eu não deixarei ao cargo da sorte. Colocarei placas nas portas dos quartos e direi certos fatos ao prisioneiro sobre as placas. Se o prisioneiro for esperto e souber raciocinar logicamente, ele irá salvar sua vida -- e ganhará uma bela noiva com um bom dote!

- Ideia excelente! Disse o ministro

No primeiro dia aconteceram três julgamentos. Nos três o rei explicou para o prisioneiro que cada um dos dois quartos continha uma dama ou um tigre, mas poderiam haver tigres nos dois quartos, ou damas nos dois quartos, ou, ainda, talvez num quarto haja um tigre e no outro uma dama.

O Primeiro Julgamento

(...)
- Como eu faço para escolher um quarto? Perguntou o prisioneiro.

O rei apontou para as placas nas portas dos quartos:

PLACA DO QUARTO 1: Neste quarto há uma dama, e no outro quarto há um tigre.

PLACA DO QUARTO 2: Em um destes quartos há uma dama, e em um destes quartos há um tigre.

- O que as placas dizem é verdade? Perguntou o prisioneiro.
- Uma das placas diz a verdade, mas a outra é falsa.

Se você fosse o prisioneiro, a porta de qual quarto você abriria (supondo, claro, que você prefira a dama ao tigre)?

Fonte: A Dama ou o Tigre?, de Raymond Smullyan

3 comentários:

  1. Se ambos os quartos houver uma dama, ou um tigre, então tanto faz o prisioneiro abrir qualquer uma delas, ou seja, decidir entre uma porta e outra só faz sentido se for aceita a hipótese de que em um quarto há uma dama e no outro há um tigre.
    Isso é o que diz a placa do segundo quarto, então esta seria a placa verdadeira, e portanto o que está escrito na primeira placa seria mentira.
    Conclusão, se houver um tigre e uma dama(único caso em que vale a pena decidir) a dama estará na porta número 2, que é a que o prisioneiro deve abrir.

    ResponderExcluir
  2. Lucas, seu raciocínio está correto (novamente).

    Outra forma de analisar seria: se 1 for verdade, 2 tem que ser falso. Mas 2 ser falso contradiz 1 ser verdade.

    Portanto, a única possibilidade é que 2 seja verdadeiro e 1 falso. Portanto, a dama está no quarto 2.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu pensei justamente na forma de analisar que falaste, :D que bom que houveram comentários nesse post, para saber a resposta

      Excluir

Deixe seu comentário! Não uso verificação de palavras.

Receba as postagens deste blog por email